Selecione o cadastro


Notícias

Armazenagem e Manuseio do HCFC-141b


O HCFC-141b substitui o CFC-11 na maioria das aplicações − limpeza de sistema de refrigeração, contatos eletroeletrônicos, limpeza metalmecânica e outras. O HCFC-141b é normalmente comercializado em tambores, e estes invariavelmente precisam ser armazenados em locais secos, frescos e bem ventilados.

  

Se os tambores forem expostos a temperaturas elevadas, principalmente acima do ponto de ebulição do HCFC-141b (32ºC), poderá haver incidentes em decorrência do aumento da pressão de vapor. A embalagem, neste caso, inicialmente se apresentará ‘estufada’. Caso isto aconteça, é necessário resfriar a mesma, antes que seja aberta. O procedimento também é necessário para evitar que níveis elevados de vapor e de líquido sejam liberados no meio ambiente.

Em tempo: caso o usuário precise apenas de uma pequena quantidade de HCFC-141b, ele poderá fracionar o conteúdo do tambor. Para tanto, deve-se garantir que o fluido esteja na fase líquida e que o novo recipiente seja adequado − usar preferencialmente o de aço carbono. Em hipótese alguma se deve utilizar garrafas PET para esse fim.

 

Voltar