Selecione o cadastro


Dicas para melhorar a eficiência energética no varejo

Os sistemas de refrigeração dos supermercados são fundamentais para a preservação da qualidade de itens perecíveis e demais produtos frescos, ao manter a temperatura ideal dos alimentos. Ultimamente, porém, há relatos que apontam para aumento na incidência de reparos e operações de manutenção envolvendo esses equipamentos, além de reclamações dos lojistas quanto ao maior consumo de energia nas lojas. Essas ocorrências, muitas vezes, estão atreladas a alguns fatores, como ausência de padronização de instalações técnicas, defasagem de equipamentos, escolha equivocada de fluido refrigerante, etc.

Nesse sentido, há algumas medidas que podem melhorar a eficiência desses sistemas, tais como:

  • Utilize fluidos refrigerantes de qualidade. Produtos de baixa qualidade podem resultar no aumento do consumo energético, uma vez que as impurezas presentes nesses produtos podem causar quebra de compressores, temperatura e pressão excessivas, queimas elétricas, carbonização de componentes e deterioração do óleo lubrificante, além de perda de rendimento.
  • Realize a manutenção regularmente. Pode-se otimizar o consumo de energia elétrica do equipamento de refrigeração por meio de boas práticas de manutenção, que incluem a limpeza de sistemas.
  • Substitua equipamentos muito antigos. Outro ponto importante a se considerar também, é a possível utilização de equipamentos mais modernos no curto, médio e longo prazos, incluindo a aplicação de fluidos ambientalmente aceitáveis.

Portanto, combinar o uso adequado de fluidos refrigerantes de qualidade a boas práticas de manutenção em equipamentos da rede supermercadista pode contribuir para a diminuição de custos com energia.