Selecione o cadastro


Altas demandas de segundo semestre para o setor A/C Automotivo

Com a chegada do calor intenso nas estações primavera e verão, o mercado de manutenção e instalação de ar-condicionado automotivo tende a crescer. A procura no segundo semestre por equipamentos de A/C Automotivo novos, ou mesmo pela revisão dos já existentes, exige investimentos dos consumidores e a atenção dos técnicos.

Hoje, o custo médio para uma nova instalação está em torno de R$3.500 (segundo o site Auto Esporte), e engloba diversos componentes, sendo eles:

Outro componente, que não foi possível ver nas imagens, responsável por realizar as trocas térmicas, é o fluido refrigerante R-134a. A qualidade desse produto é um dos fatores que contribuem diretamente para o bom funcionamento do sistema de ar-condicionado automotivo, bem como pode evitar que ocorram problemas dentro do sistema, como por exemplo a corrosão de peças, o que pode levar ao mau funcionamento de equipamentos e até mesmo quebras. Veja algumas imagens que exemplificam esse problema:

Assim, tanto em novos sistemas quanto em sistemas já existentes a escolha de um fluido de qualidade faz com que o ar-condicionado funcione de forma mais segura e eficiente. A Chemours, empresa que surgiu a partir da divisão química da DuPont, oferece ao mercado de ar-condicionado automotivo o Suva™ 134a, sempre comprometida com os mais altos níveis de pureza e qualidade.

Portanto, fique sempre atento a origem e qualidade dos fluidos refrigerantes a serem aplicados no A/C Automotivo, uma escolha errada pode colocar em risco a vida de seus clientes.